Oito anos do Portal Vejam e mais de 30 mil visitas únicas mensais

O nosso site tem recebido, diariamente, dezenas de emails e comentários, o que nos deixa feliz pelo reconhecimento de nosso trabalho e por saber que o Portal Vejam tem se tornado cada vez mais conhecido em todo o Brasil e, porque não dizer, em algumas outras partes do mundo, sobretudo em Portugal.

Este trabalho teve início há oito anos, em uma época em que eu tava começando a ter consciência de meu glaucoma e de minha deficiência visual. Nasceu da necessidade de fazer pesquisas sobre esses temas, e como sinto um grande prazer em compartilhar informações, resolvi unir o útil ao agradável. Como trabalho com desenvolvimento de sites, resolvi criar o Portal Vejam, para que outras pessoas com o mesmo problema que eu, pudessem ter acesso a informações que eu já sabia, sendo que, como teria um site pra atualizar constantemente, isso me traria um maior compromisso para efetuar as minhas pesquisas e assim ter um acesso mais rápido às informações. Dessa forma, traria benefício tanto a mim próprio como aos outros.

Nessa época, não imaginava que um simples “site pessoal” pudesse se desenvolver ao ponto de tornar-se um portal de tamanha importância a nível nacional. E ouso classificar o Portal Vejam com esta importância, baseado no grande número de emails e de comentários que leio diariamente, vindos de todo o Brasil, como também baseado nos relatórios do Google Analytics que indicam uma média de 1.060 visitas diárias, o que equivale a mais de 30.000 visitas mensais. E é bom ressaltar que tratam-se de visitas únicas, onde só é contabilizada uma vez a visita de um computador que entrou no site várias vezes em um dia. Usuários que possuem o mesmo endereço IP e visitam o site dentro do período de 24 horas são contabilizados como se fossem apenas uma visita única. Já tive a oportunidade de verificar alguns picos de visitas únicas no mesmo momento, através da indicação dos visitantes online, sendo que, o maior pico que pude presenciar foi no ano passado, quando fiquei feliz ao ler no lado esquerdo do site: “No momento há 252 visitantes online”.

Além da indicação dos números, sou surpreendido constantemente com depoimentos de pessoas sobre o conteúdo do site. Muito dos emails que recebemos são com elogios e agradecimentos pelo acesso às informações, que particularmente me envaidecem e me motivam a cuidar cada vez com mais carinho do nosso portal. Tal surpresa é maior quando indico o Portal Vejam para pessoas que acabei de conhecer e as mesmas dizem que já o conhece e, melhor ainda, que o visita constantemente.

Já li vários emails de mães que escreveram para agradecer pelo esclarecimento de dúvidas através das publicações do site e do blog, de pessoas que estavam completamente perdidas, por estarem entrando em um mundo desconhecido, tendo encontrado informações duvidosas pela rede, até se sentirem mais seguras com as informações do Vejam, que, por sua vez, acompanhavam fontes confiáveis e dezenas de comentários e depoimentos de pessoas que passavam por situações similares.

Vou citar dois fatos que me ocorreram e que ilustra bem tudo isso. Em um deles, fui em um seminário sobre glaucoma, a convite de meu oftalmologista e lá, ao me apresentar a um colega dele, o informou sobre o Vejam. O mesmo achou interessante, disse que ainda não conhecia, mas que ia visitar e indicar a outros colegas. Alguns meses depois, o encontrei novamente e, quando lhe indaguei se havia visitado o site, fiquei surpreso quando me disse que a grande maioria dos colegas que ele indicou o Vejam depois de visitá-lo, já o conhecia, dizendo inclusive que estava constrangido por ser um dos poucos que ainda não o tinha conhecido. O outro fato aconteceu há uns dois anos, quando fui a São Paulo fazer uma cirurgia de implante de tubo de Ahmed, com um oftalmologista que é uma das principais referências em glaucoma do mundo e é considerado o maior especialista em glaucoma e em implantes de tubo do Brasil. Além de tudo, mostrou ser uma criatura muito simpática que me recebeu muito bem. Na primeira consulta, que seguiu por quase uma hora e meia, entre uma pergunta e outra, apresentei o Vejam, que ele abriu de imediato, deu uma olhada e disse que ia indicar aos pacientes dele. Dois dias depois, quando voltei pra medir a PIO, ele disse que acabara de indicar o Vejam à paciente anterior e que a mesma disse que já conhecia e visitava sempre, assim como outra paciente que ele havia falado por telefone. Naquela época, o site atingia a metade do número de visitantes que atinge hoje e realmente me surpreendia ao encontrar estes “visitantes únicos”, fisicamente, por aí.

Devo confessar que, apesar de estar cumprindo o compromisso de manter o portal atualizado com as notícias e artigos recentes sobre o glaucoma, a baixa visão e a deficiência visual em geral, além de constantemente estar fechando parcerias com outros sites, empresas e colaboradores para manter os usuários informados, não tenho encontrado muito tempo para escrever meus textos aqui no blog. No entanto, ao verificar hoje, os relatórios da Google Analytics sobre o Vejam, veio a necessidade de voltar ao blog, com este post que versa um pouco sobre a minha história com o Portal Vejam, para que eu possa aproveitar para agradecer a todos os remetentes dos contatos via comentários, e-mails, fale-conosco, e, mais recentemente, ainda que em menor quantidade, via DM e menção no twitter. No início fazia de tudo para responder a todos eles, porém, há mais de cinco anos que não tem mais condição de fazê-lo. O que consigo fazer é ler a todos os emails e boa parte dos comentários que modero semanalmente, respondendo a alguns. Aproveito também para sinalizar, mais uma vez, que, diante o exposto, todos podem observar que o Portal Vejam não possui nenhum vínculo com médicos, hospitais, laboratórios, nem instituições públicas ou particulares. Dentre os comentários dos artigos e notícias, vocês podem observar uma grande quantidade com dúvidas e solicitações médicas que, infelizmente, nunca poderiam ser respondidas por mim. Alguns ainda são respondidos informalmente pelos próprios visitantes e alguns outros consigo encaminhar para o destino mais indicado, no entanto, devo ressaltar que a sua grande maioria fica sem resposta aqui nas páginas do Vejam, o que não quer dizer que foram em vão. Certamente atingiram muitos dos mais de mil visitantes únicos diários e, provavelmente, quem sabe, foram respondidos fora das nossas páginas.

O que quero dizer é que, não obstante ao fato de estarmos impossibilitados a responder dúvidas e solicitações médicas, os usuários podem sim continuar enviando seus comentários e depoimentos, contanto que tenham ciência de que o nosso papel será apenas de ser um veículo de comunicação e que não somos responsáveis pelas eventuais respostas de outros usuários. Aproveito para ressaltar que os endereços de email não são publicados junto aos comentários, por medida de segurança. Se for do interesse do usuário que a sua mensagem acompanhe o seu endereço de email, o mesmo deve ser colocado junto ao corpo do comentário.

No mais, é dizer que há motivação, que é renovada constantemente diante dos contatos dos usuários e dos relatórios do Google Analytics, para tornar o portal cada vez mais “profissional” e integrado ao usuário. Sendo assim, continuem visitando, indicando, favoritando, mencionando, linkando o WWW.vejam.com.br e continuem enviando emails, comentários em nossas páginas e formulários de fale-conosco. Além disso, continuem visitando a nossa comunidade “Eu tenho Glaucoma” no Orkut, cujo endereço ta no final deste artigo, como Também o nosso perfil @portalvejam no twitter.

Se tiverem interesse em tornar-se um colaborador, seja como patrocinador, seja como indicador de conteúdo, entre em contato pelo Fale-Conosco, que retornaremos o contato, e, se quer saber uma forma simplíssima de colaborar: basta clicar constantemente nos anúncios do Google Adsense, que são aqueles links dos anúncios, de fundo azul, que ficam no final de nossas páginas e são nossos parceiros.

Um grande abraço e aguardem novidades!

Jean Abreu
Administrador do Portal Vejam
Jean(arroba)vejam.com.br

Comunidade: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=3540200
Fale-conosco: http://www.vejam.com.br/seu-recado
Twitter: http://www.twitter.com/portalvejam
RSS: http://www.vejam.com.br/rss.xml

Comentários

Parabéns Jean... sou

Parabéns Jean... sou visitante assídua do seu site já tem alguns anos e fico muito feliz ao saber do sucesso dele. Leio muito também a comunidade de glaucoma, apesar de não participar muito. Mt legal a sua história. Continue assim compartilhando as informações com todos. Abração e saúde!

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Escreva o resultado da operação matemática abaixo para prosseguir:
3 + 5 =
Escreva o resultado da soma... ex. 4 + 2 = 6