ENTREVISTA SOBRE BAIXA VISÃO

Abaixo segue uma entrevista que tira muitas dúvidas sobre a baixa visão, suas causas, tipos e tratamentos. Foi feita, pelo Doutor Dráuzio Varella, com a Dra. Maria Aparecida Haddad, que é coordenadora clínica do Instituto Laramara.

------------------------------------------------------------

Dra. Maria Aparecida Haddad é coordenadora clínica do Instituto Laramara, da Associação Brasileira de Assistência ao Deficiente Visual e colaboradora do Ambulatório de Visão Subnormal do Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo. Cegueira e baixa visão

Drauzio – Como se estabelece a diferença entre cegueira e baixa visão?

M. Aparecida Haddad – Quando abordamos a deficiência visual, consideramos a criança ou o adulto cegos ou com baixa visão. Qualquer que seja a idade, a pessoa é cega quando não tem percepção de luz. Para ela tudo é escuro. Para classificar a baixa visão, utilizamos a escala numérica da medida da acuidade visual. Lembrando que a visão normal é 20/20, a baixa visão vai de 20/60 até a falta de percepção de luz.

Drauzio – Pode-se dizer que, teoricamente, tem deficiência de visão a pessoa que enxerga três vezes menos do que o normal?

M. Aparecida Haddad – Enxerga no mínimo três vezes menos do que a pessoa normal. É importante lembrar que as medidas de acuidade visual indicam a deficiência quando a pessoa apresenta alteração mesmo depois do tratamento clínico ou cirúrgico para a doença ocular de base e o uso dos óculos adequados. Não fosse assim, seria considerada com baixa visão a pessoa que tivesse oito graus de miopia, o que não é verdade. Portanto, essa classificação só cabe quando o paciente passou por todos os tratamentos possíveis para a doença ocular de base e já foram tentados todos os recursos óticos disponíveis para melhorar a visão.

Drauzio – Quais são os parâmetros para estabelecer o critério de baixa visão e cegueira?

M. Aparecida Haddad - Falar de baixa visão é diferente de falar em cegueira. Na cegueira, existe um padrão único de resposta, ou seja, a pessoa não enxerga nada. Para entender o que se chama de baixa visão, de acordo com a classificação da Dra. Faye da Universidade de Nova Iorque, há três padrões diferentes.

Primeiro: a pessoa pode ter uma alteração da transparência dos meios óticos, ou seja, as estruturas que são transparentes podem perder a transparência. Por exemplo: a perda da transparência do cristalino por causa de uma catarata não operada ou uma cicatriz na córnea.

Segundo: cicatriz na região central da retina, na mácula ou fóvea para onde converge a imagem, pode provocar um defeito no campo visual que obriga a pessoa a posicionar a cabeça e o olhar de tal modo que a visão seja jogada na área da retina que permanece viável.

Terceiro: fechamento do campo visual por doenças oculares, como o glaucoma ou a retinose pigmentar. Nesse caso, a pessoa vai perdendo o campo periférico até que só lhe resta a visão em tubo. Como conseqüência, perde a orientação espacial e precisa realizar uma varredura maior no ambiente para reconhecê-lo e localizar-se.

O critério de baixa visão segue esses três padrões de resposta, que são diferenciados, porque dependem da alteração da acuidade visual ou de outras funções como sensibilidade ao contraste, percepção das cores e intolerância à luminosidade.

Drauzio – O que se deve fazer quando se diagnostica deficiência visual importante numa criança?

M. Aparecida Haddad – Quando o oftalmologista detecta deficiência visual numa criança, deve encaminhá-la a serviços especializados para ser submetida a uma avaliação. Por meio de testes, serão analisadas todas as suas funções visuais a fim de compreender como essa criança está enxergando. Saber isso é importante porque, no processo de reabilitação visual, esse dado será transmitido aos profissionais da área de educação que vão dar apoio à inclusão da criança com baixa visão na escola comum. O professor precisa saber como exatamente a criança enxerga para fazer alterações no ambiente e no material de modo a favorecer o melhor desempenho visual possível.

Drauzio – Como é o encaminhamento dos adultos com deficiência visual importante?

M. Aparecida Haddad – Os adultos também são encaminhados para avaliação a fim de estudar-lhes a função visual e compreender como estão enxergando. Tanto na criança em idade escolar como no adulto, considera-se sempre a possibilidade de melhorar a visão por meio de recursos especiais. Os mais utilizados são os óculos adaptados com adições fortes para ampliar a imagem retiniana. Porém, se essa imagem aumenta quando a pessoa aproxima um texto ou objeto do olho, o foco fica prejudicado pela distância reduzida e são necessárias lentes positivas especiais para recuperar o foco a imagem não ficar borrada. Esse distúrbio é freqüente nos idosos que já não têm mais a capacidade acomodativa de foco. Na criança, que tem essa capacidade a curta distância, os resultados costumam ser melhores. Existem outros recursos como as lupas manuais ou de apoio e os sistemas telescópios que aumentam a imagem na retina. Utilizando maior número de fotorreceptores, esses recursos aumentam também a informação que vai para o cérebro, o que melhora a resolução visual.

Drauzio – Muitas mães acham que o uso do computador pode comprometer a visão da criança. Tem procedência essa preocupação?

M. Aparecida Haddad – Não tem e também não faz mal sentar perto da tela da televisão. Acontece, porém, que, quando mantemos um longo período de trabalho diante do computador, estamos nos valendo de uma visão muito próxima que demanda maior esforço visual. É diferente de olhar para o infinito. Pousados no infinito, nossos olhos estão em repouso. Por isso, pessoas que usam o computador o dia inteiro, com certeza terão cansaço visual maior. A recomendação é que intercalem períodos de trabalho com períodos breves de repouso. Olhar para o horizonte, por exemplo, é boa sugestão. Outro fato importante a considerar é que, concentrados no trabalho, piscamos menos, a lubrificação do globo ocular diminuiu e o olho fica mais ressecado. Portanto, diante do computador, precisamos lembrar de piscar ou, então, de fazer uso de lágrimas artificiais para manter os olhos úmidos.

Drauzio – Que conselhos você dá para quem quer manter boa visão pela vida toda?

M. Aparecida Haddad – Mesmo que não tenha nenhum problema de visão, a pessoa deve fazer uma avaliação oftalmológica por ano. Se aparecer alguma alteração ocular, como vermelhidão nos olhos ou leve embaçamento, o oftalmologista deve ser consultado. Pingar colírios nos olhos sem a indicação de um profissional médico é absolutamente contra-indicado. Muitos colírios provocam efeitos colaterais graves. Os que contêm corticóides podem aumentar a pressão intra-ocular ou provocar quadros de glaucoma e catarata. Outro conselho é que os pais levem em consideração as queixas visuais das crianças, como dor de cabeça, baixo rendimento escolar ou aproximação exagerada do aparelho enquanto assiste à televisão. Muitas vezes, é possível observar a resposta visual de uma criança com um simples tampão. Cobre-se um olho e pede-se para que realize alguma atividade. Repete-se a operação com o outro e compara-se o desempenho dos dois olhos separadamente. Essa estratégia ajuda a verificar como a criança enxerga com cada olho.

Site: www.laramara.com.br

Fonte: http://drauziovarella.ig.com.br/

Comentários

Eu tenho miupia já fui em

Eu tenho miupia já fui em vários médicos nenhum consegue saber meu grau certo estou procurando um profissional que consiga tenho 12 anos de idade e meu grau e forte mais mesmo sendo forte eu ñ consigo enxergar de longe

Meu filho tem 4 anos tem

Meu filho tem 4 anos tem 10.00graus de miopia no olho esquerdo e no mesmo olho3,85 de astigmatismo e no olho direito tem 8,00 graus de miopia e 4.00 de astigmatismo,usa óculos desde1,6 meses é acompanhado pelo oftalmologista desde os 6 meses...quero saber se meu filhoé considerado baixa visão?Porque mesmo com o uso de óculos ele Barros muito em tudo,e não tá conseguindo ter um desenvolvimento escolar...estou aflita...Ele tem ou não baixa visão...o médico dele não me diz nada...

TENHO GLAUCOMA

TENHO GLAUCOMA ,TOXOPLASMOSE,MIOPIA,FUI REPROVADA PARA PERMISSAO DO DETRAN, GOSTARIA DE SABER SE EXISTE UM OCULOS AO QUAL POSSA USAR PARA ATINGIR AS EXIGENCIAS DO DETRAN? VISAO -40 E -30. CHORO DIAS E NOITES AO SER INFORMADA QUE NUNCA PODEREI TENTAR TIRAR UMA CARTEIRA. POR FAVOR DOUTOR ME RESPONDA.

tenho miopia, toxoplasmose,

tenho miopia, toxoplasmose, cicatriz no olho devido a cirurgia, fui ao medico do detran e elwe me disse que teria que fazer tratamento para aprovar minha permissao para tirar carteira de um olho e -40 e no outro -30,que nao atingia o grau exigido pelo DETRAN, O QUE TENHO QUE FAZER? EXISTE OCULOS PARA FAZER CORRECAO? OD 3,50 E OLHO ESQUERDO 3,50.OBRIGADA DOUTOR ESTOU ANCIOSA PARA SABER SE TEM COMO ENXERGAR, MELHOR PARA TENTAR MINHA CARTEIRA.

TENHO PROBLEMA DE VISÃO DESDE

TENHO PROBLEMA DE VISÃO DESDE CRIANÇA, ATÉ UM TEMPO MEU PROBLEMA FICOU ESTABILIZADO USAVA 3,75 GRAUS, NO ANO PASSADO PASSEI A USAR 6,5 GRAUS NO OLHO DIREITO E MESMO ASSIM TENHO MUITA DIFICULDADE PARA ENXERGAR, NÃO CONSIGO LER ROTULOS DE ALIMENTOS, BULAS DE REMEDIO E NO COMPUTADOR SEMPRE PRECISO DEIXA LETRA EXTRA GRANDE. PARA DIRIGIR QUANDO FICO CONTRA LUZ NÃO ENXERGO NADA, A CLARIDADE ME DEIXA SEM VISÃO E NO PERIODA DA MANHÃ ATÉ UMAS 9:30 OU 10HS FICOU COM A VISÃO MUITO EMBARALHADA, QUASE NÃO CONSIGO LER NADA! ANDO MUITO NERVOSA COM ISSO POIS TENHO MEDO QUE ATRAPALHE NO MEU TRABALHO. PRECISO SABER O QUE POSSO FAZER PARA QUE AS LENTES ME AJUDEM ENXERGAR BEM!

Oi, Com treze anos fui

Oi,
Com treze anos fui diagnosticada com conjuntivite alérgica,hoje tenho quatorze, e desde o ano passado estou usando óculos com 0,75 graus dos dois olhos,final desse ano de 2014 faz um ano que uso óculos e vou voltar a clinica para refazer os exames e saber se vou precisar usar óculos outra vez, mas estou com muito medo e gostaria de saber se tenho chances de não precisar mais usar o óculos,vou voltar e fazer os exames mas gostaria que me dissesse se é possível eu ter recuperado a visão. Obrigada desde já.

Oi boa noite Doutor

Oi boa noite Doutor Drauzio.Minha filha nasceu prematura de 5 meses,tem Retardo neuropsicomotor.. Hoje ela tem 8 anos . Fui ao oftalmologista ano passado e diagnosticou Baixa Visao . Tem tratamento pra ela o que devo fazer. A quem procurar? Estou muito preocupada! Porque gostaria de saber o quanto ela enxerga,a distancia, o grau,se prescisa de oculos. Me ajuda. Que proficional devo procurar?

BOA NOITE DR. DRÁUZIO! MEU

BOA NOITE DR. DRÁUZIO!

MEU NOME É LÚCIA TENHO 43 ANOS E SOU ALTA MÍOPE EM AMBOS OS OLHOS, OD -18,00 ( 20/60 ) E OE -16,00 ( 20/25 ), COM ACUIDADE VISUAL DE 0,03 A 0,05 COM MELHOR CORREÇÃO.
POR OBSÉQUIO DR. DRÁUZIO , ALGUNS DIZEM QUE ME ENQUADRO NA COTA PARA DEFICIENTE, PORÉM OUTROS NÃO, COMO EM UMA EMPRESA A QUAL EU TRABALHEI.
DR. POR GENTILEZA PODE ME DIZER SE SOFRO DE VISÃO SUBNORMAL OU BAIXA VISÃO?
TENHO DIFICULDADE PARA ENXERGAR, QUANDO VOU PRESTAR ALGUM CONCURSO PÚBLICO SOLICITO A PROVA AMPLIADA E O AUXÍLIO DE ALGUÉM PARA TRANSPASSAR AS RESPOSTAS NO GABARITO.
AGUARDO RESPALDO.
MEUS AGRADECIMENTOS.

LÚCIA AZEVEDO

bom dia sr doutor, estou

bom dia sr doutor, estou muito preucupado o meu filho quando nasceu ele teve sepsis grave que lhe atingio o cerebro gracas a deus ele escapou da doenca, mas ficaram algumas sequelas ele ainda nao comecou a ver, ele esta com 4 meses qgora levei»lhe a aftomologia e disseram que tem baixa visao ou cegueira central, por favor quero saber o que faço pois e o meu primeiro filho.

fiz tratamento com

fiz tratamento com oftalmologista no comeco do ano / toxoplasmose mas ainda nao melhorou o medico mandou parar com os remedios sulfadiazina/ acido folinico/ daraprim +colirio maxdex nao melhorou nada visao periferica esquerda/ o devo procurar outro especialistasque devo fazer me ajude / eduardo m santos obrigado

Olá tbm fiz tratamento sobre

Olá tbm fiz tratamento sobre toxoplasmose e não melhorou nada a visão periférica gostaria de saber como vc está hj. Pois vi um comentário seu no site vejam. Me mande email.

descobrir q tenho glaucoma so

descobrir q tenho glaucoma so q a empresa mim mandou embora isto pode acontece

GOSTARIA DE SABER, O QUE SÃO

GOSTARIA DE SABER, O QUE SÃO AQUELAS BOLINHA PEQUENA PRETA QUE APARECEM NA IRIS, QUANDO VIRA O OLHO ELA ACOMPANHA, GOSTARIA DE SABER SE TEM ALGUM TRATAMENTO PARA ISSO, ME DISSERAM QUE É O SITEMA IMUNOLOGICO EM BAIXA, ALGUM PROFISSIONAL PODERIA ME ESCLARECER ISSO, EU NÃO TINHA ISSO E DERREPENTE APARECEU, TEM ALGUM TRATAMENTO OU COLIRIO PARA ISSO DESAPARECER, ME INCOMODA ISSO!!
GRATO
PAULINO

fui ao oftalmo semana passada

fui ao oftalmo semana passada e como também tenho esstas bolinhas que me acompanham a muitos anos,pergunteia ao médico o que seria isto.Ele me respondeu assim:como a idade vai chegando vai aparecendo estas manchinhas,mas uma pessoa jovem tbem pode ter .isso não é nada grave e nem tem tratamento,com o tempo passa despercebido.É isso!

GOSTARIA DE SABER, O QUE SÃO

GOSTARIA DE SABER, O QUE SÃO AQUELAS BOLINHA PEQUENA PRETA QUE APARECEM NA IRIS, QUANDO VIRA O OLHO ELA ACOMPANHA, GOSTARIA DE SABER SE TEM ALGUM TRATAMENTO PARA ISSO, ME DISSERAM QUE É O SITEMA IMUNOLOGICO EM BAIXA, ALGUM PROFISSIONAL PODERIA ME ESCLARECER ISSO, EU NÃO TINHA ISSO E DERREPENTE APARECEU, TEM ALGUM TRATAMENTO OU COLIRIO PARA ISSO DESAPARECER, ME INCOMODA ISSO!!
GRATO
PAULINO

O meu netinho, nasceu

O meu netinho, nasceu prematuro com um pouco menos de 6 meses, com não foi feito um exame de fundo de olho, ele ficou com as retinas dobradas, uma mais e outra menos, resumindo só enxerga de lateral, deram o nome de retinopatia da prematuridade, eu gostaria de saber se a célula tronco pode ser aplicada neste caso, por favor Dr. Drauzio me responda, ja escrevi para outros lugares, mais não obtive nenhuma resposta, gostaria de antes de partir desse mundo ver o meu netinho curado, ele se chama William e está com 6 anos. Deus lhe pague

Doutor Dráuzio Varella meu

Doutor Dráuzio Varella meu filho tem baixa visão está com 18 anos agora,gastaria que enviasse algumas ativadades que pudesse fazer para estimular sua visão. No começo não enxergava nada , veio a luz, estimulo de todas as formas , hoje enxerga o bra.Agradeçonco ,o preto , o azul e o amarelo com facilidade.Cada dia agradeço à Deus. Está lendo frases com letras grandes e números.Quero ajudá-lo ainda mais , sou mãe e só tenho ele .Ele ficou assim depois de um tumor no centro do cérebro.Agradeço desde de já.

Ola boa noite!!!! Eu me chamo

Ola boa noite!!!!
Eu me chamo Aarao, tenho 29 anos, e estou devidamente triste entre aspa, porque tenho um problema de vista devidamente serio, que segundo os medicos da cidade que eu moro não tem jeito para o meu problema, que essa doença que eu tenho se chama toxoplamose, que pegeui quando era resem nascido. Ate, então esta sendo um problema um tormento grande na minha vida. Então na vista direita tenho 20% e na esquerda tenho 40%, e sempre foi um problema para mim e para minha familia. Eu tenho habilitação desde os 18 anos de idade, quando fui renovar o medico que faz o exame de vista não quer me aprovar por causa desse problema. Eu reconheço que tenho esse problema de vista, todahavia, tenho a capacidade de dirigir em quialquel local do Brasil. Até entao Dra, entre com recuso para que eles da junta medica do Detran - AC me avali novamente.
Equero saber se tem uma Lei que me ampara para me aponsetar ou entrar com auxilio doença e como eu faço?
Por tanto Dra. quero saber da senhora qual a possibilidadfes para melhorar a qualidade de vida da minha vista e se tem cirurgia para corregir ou se a tecnologia ainda não avnaçou. me também uns alimento que eu poça comer e melhorar a minha vista.
Sou do Estado do Acre.
e me der a melhor opinião.
e não se esquerça de me responder.
aara.limatj@hotmail.com
Estou agurdando sua resposta.............

Ola! meu nome e suzy. Tambem

Ola!
meu nome e suzy.
Tambem tenho este problema,estou praticamente cega de um olho.Isso me irrita muito tambem.
Uma pergunta ha vc?Como vc faz sua tarefas diarias?
Trabalha normalmente?Pratica algum esporte?
Ou tem dificuldade.
Que eu sei meu oftamologista me falou que tem uma cirurgia,mais ela dura 6 anos,nesses seis anos vc vai enxergar,mais depois vai comecando a perder a visao novamente.Tera que novamente fazer a cirurgia.
Eu nao fiz,por que e muito cara.
Tenho dificuldade,pra estudar,e trabalhar.pois nao consigo focar as coisas, me atrapalho e comeco a ficar muito irritada.
Abracos.....Me mande um imail.

ola,tenho uma filha de 13

ola,tenho uma filha de 13 anos ,a dois anos descobrimos que tem baixa visao sem diagnostico, hoje a visao e20/80 nenhum medico nao saber o que estar acontesendo com ela estou muito preocupada.me ajuda....

Dr. Dráuzio, gostaria de

Dr. Dráuzio, gostaria de saber se há possibilidade de se fazer algum procedimento de células tronco para quem tem baixa visão. Meu filho tem baixa visão, com sensibilidade à luz, problemas com contraste e cor. Ele tem doze anos. Obrigada.

boa noite tenho 26 anos o meu

boa noite tenho 26 anos o meu olho esquerdo tem uma cicariz tem possibilidade de passa pro outro olho

Meu olho esquerdo durante o

Meu olho esquerdo durante o dia varias vezes ele baixa por alguns segundos e depois volta, o q pode estar acontecendo, ñ é uma sensação boa parece q ele fica contraido, me diga o que pode ser?

boa tarde sou estudante de

boa tarde sou estudante de pedagogia e estou fazendo um projeto sobre deficiencia visual e estou a procura de conteudo que possa estar trabalhando... gostari se vc pode estar me mandando por e-mail algum conteudo que eu possa estar ultilizando no meu projeto.... muito obrigada pela atençao...

BOM DIA! ESTOU MUITO

BOM DIA!
ESTOU MUITO PREOCUPADA COM DESENVOLVIMENTO DA MINHA FILHA POIS ELA ESTA NA PRIMEIRA SÉRIE E JÁ NA PRIMEIRA REUNIÃO A PROFESSORA PEDIU QUE EU A LEVASSE A UM OFTALMOLOGISTA , LEVEI O DIAGNÓSTICO FOI QUE ELA TERIA NENHUM PORBLEMA MAS ELA CONTINUA COM DIFICULDADES EM PERCEBER O QUE ESTA ESCRITO NO QUADRO SEGUNDO A PROFESSORA ELA OLHA E AO ABAIXAR A CABEÇA PARA TRANSCREVER ESQUECE E FICA EM DÚVIDA O QUE DEVO FAZER ? POIS ELA TEM UM RACIOCÍNIO LÓGICO PERFEITO GRAÇAS A DEUS. DESDE JÁ AGRADEÇO A SUA ATENÇÃO SE POSSÍVEL RESPONDA-ME PELO AMOR DE DEUS A UMA MÃE DESESPERADA POIS NÃO POSSO DEIXAR MINHA FILHA PREJUDICADA NOS ESTUDOS ESTA FASE É MUITO IMPORTANTE PARA SUA CARREIRA ACDÉMICA QUE A ALFABETIZAÇÃO. BEIJOS ELIZA

Boa noite,me desculpe, é

Boa noite,me desculpe,
é porque estou procurando,onde faz faculdade de ortopitita em minas,procurei na internet e não acho,gostaria se fose possível vcs me informarem,moro em minas gerais,cicade de joao monlevade,perto de belo horizonte,interior,e em monlevade não tem,gostria tanto de saber e estudar,para ter alguem aqui em minas joao monlevade,tenho contato com os oftalmologista daqui,mas preciso de me informar primeiro,seria muito grata se puder me responder este e-mail...
Cléa,moro na avenida aeroporto casa5 joao monlevade MG.0313138524551... ou celular 0313196458199 ,gosto muito desta área...por favor me dá uma luz...
Abraços,
cléa

Por favor me responda se devo

Por favor me responda se devo preocupar-me com o meu filho de 3 anos 3 3 meses, levei-o pra o oftamologista e e detectou uma cicatriz no olho esquerdo o médico disse que ao examinar nao era grave, mas tinha q ser acompanhado de 6 em 6 meses , ele tb tem hipermetropia de 2,5 em cada olho. Ta usando oculos começando o grau com 0,75 até ir aumentando. O que faço procuro outra opiniao sobre oassunto???
Desde já agradeço a atençao.

Como foi esplanado logo

Como foi esplanado logo abaixo, a entrevista acima foi reproduzida do site do Dr. Dráuzio, cujo link se encontra no final da mesma e serve inclusive para possíveis contatos com o médico.

Podemos adiantar que existe um limite mínimo de acuidade visual que é determinado por lei para que seja liberada carteira de habilitação para quem tem problema de visão. Sugerimos que procure informações sobre isso no próprio DETRAN que é o único órgão responsável pela habilitação.

Dr. Drauzio, tenho uma com 23

Dr. Drauzio, tenho uma com 23 anos, aos o4 anos de idade fiz um teste ortopitista nela, e daí começou a usar óculos até a idade de hoje, o problema dela é na retina ou seja hipermetropia. Gostaria de saber se é uma doença preocupante, pois a mesma dizia q enxergava do mesmo jeito com ou sem óculos, mais agora no momento não se queixa dizendo mais isso, sei q vai usar óculos para o resto da vida. Me diga Dr. o q quer dizer essa doença, e se ela usando óculos tem algum perigo de perder a visão, pois sei q o Sr. é um excelente profissional na área de medicina e lhe admiro muito e mando um grande abraço. Sou pernambucana e lhe aprecio muito.

Olá Nelba, a entrevista

Olá Nelba, a entrevista publicada acima foi retirada do site do Dr. Dráuzio, cujo endereço está no final da mesma. O VEJAM apenas a reproduziu na íntegra, indicando a referida fonte. Sugerimos que a sua dúvida seja enviada diretamente pelo site do Dr. Dráuzio. Obrigado.

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Escreva o resultado da operação matemática abaixo para prosseguir:
4 + 5 =
Escreva o resultado da soma... ex. 4 + 2 = 6